!-- Google Tag Manager (noscript) -->
top of page

CCA divulga resultados da expansão para bacias hidrográficas da Região do Cerrado Mineiro

Atualizado: 11 de jul. de 2023

O sucesso da expansão deve-se ao envolvimento dos produtores e do poder público dos municípios que compreendem a urgência de iniciativas como a metodologia da plataforma colaborativa.

Comunicação CCA


O Consórcio Cerrado das Águas (CCA), plataforma colaborativa que une esforços entre empresas, governo e sociedade civil para implementar estratégias que garantam a provisão de serviços ecossistêmicos a fim de alcançar um sistema produtivo resiliente às mudanças climáticas, divulgou, recentemente, um balanço das atividades realizadas em 2022. O ano anterior foi de grandes avanços, sobretudo na expansão da metodologia do CCA para implantação de estratégias de Agricultura Inteligente para o clima.


Com os resultados obtidos no projeto-piloto na bacia do córrego Feio, realizado entre 2019 e 2021, a plataforma encaminhou sua metodologia para as bacias do ribeirão Grande, em Serra do Salitre, e rio Santo Inácio, em Coromandel, em ambos os municípios, o CCA contou com a parceria e o envolvimento das prefeituras municipais, às quais aderiram à iniciativa por meio de um termo de cooperação. A metodologia refere-se ao PIPC – Programa de Investimento no Produtor Consciente, cujo trabalho é orientado em quatro frentes: engajamento institucional, paisagens conectadas, práticas agrícolas climaticamente inteligentes e gestão eficiente dos recursos hídricos. Por meio dela, o CCA oferece alternativas e soluções para a preservação dos recursos naturais e o aumento da resiliência às mudanças climáticas elaborando o PAC – Plano de Adaptação Climática e, alinhando individualmente, com cada produtor sobre a melhor forma de implementar as estratégias propostas pela equipe do CCA, de forma conjunta com todos os outros produtores dentro da bacia hidrográfica.


“Juntos somos maiores”, lema que motiva e inspira a expansão

Juntos, os municípios de Patrocínio, Serra do Salitre e Coromandel, localizados na Região do Cerrado Mineiro, somam 1.164 propriedades em uma área de 748.200 hectares, sendo 98.960 hectares pertencentes às bacias em questão, compreendendo 103 propriedades aplicando a metodologia do CCA. Os números representam crescimento e evolução, com incremento de 53% no número de propriedades que aderiram ao PIPC no ano de 2022. Com o trabalho do Consórcio, a população dos três municípios, que juntos somam 131.165 mil habitantes, é beneficiada uma vez que as bacias hidrográficas que recebem as estratégias são fonte de abastecimento da população urbana e rural.





Os avanços da plataforma são celebrados pela organização e projeta o caminho para 2023. “Temos planos de avançarmos mais em 2023, no entanto, não somente avançarmos territorialmente, mas amplificarmos as nossas mensagens e ações sobre a Agricultura Inteligente, tornando acessível o conhecimento e a aplicação das técnicas para essa prática que produz e cuida dos recursos naturais necessários para a produção, que pensa no futuro e age no presente, de forma integrada e colaborativa para mais e mais pessoas, de vários setores. Colaborar, esta é a nossa palavra de ordem para agir em todos os momentos do CCA. Como plataforma colaborativa, todas as nossas iniciativas contam com um esforço coletivo e, assim, criamos uma rede de fortalecimento e de propagação, é desta forma que avançamos e é assim que chegamos ao nosso lema: ‘Juntos somos maiores’. Dentro desta perspectiva, ressalto o resultado do I Workshop de Atualização das Estratégias de Agricultura Inteligente para o Clima, realizado em 2022, que pela reunião de produtores e pesquisadores, traçamos estratégias colaborativas para que Região do Cerrado Mineiro avance, rapidamente, no processo de transição para uma agricultura climaticamente inteligente, sendo elas: Controle biológico conservativo, uso de macro e micro biológicos, cobertura de solo e diversidade na paisagem. Vislumbramos a perenidade da produção agrícola aliada à conservação dos recursos naturais de forma conjunta que favoreça ao coletivo, dessa geração e das próximas”, afirma Marcelo Urtado, cafeicultor e presidente do Consórcio Cerrado das Águas.


Diante de números que demonstram a efetividade da metodologia e a necessidade de continuar expandindo seu conceito, propósito e estratégias, como o potencial de carbono estocado em ações de restauração e conservação que somam 367.334 tCO2e e remoção anual de carbono em restauração e conservação em 1.241 tCO2e, o CCA projeta os próximos passos.


“O futuro do CCA mostra uma plataforma consolidada de iniciativas em nível de paisagem que traz respostas para desafios da atualidade de forma dinâmica e participativa. É um modelo que pode ser replicado em outras regiões. Como líder nesse processo, temos o papel de chamar outros membros da cadeia para fazer parte, assim como, outros setores para o mesmo processo. Para 2023 iremos expandir mais ainda nossa comunicação buscando alcançar e sensibilizar mais produtores para que esses se unam a esse esforço coletivo. No ano passado, definimos nossos indicadores e as estratégias prioritárias para o processo de transição para agricultura inteligente para o clima na região do Cerrado Mineiro. Para esse ano, nossos associados farão a revisão do planejamento estratégico, definindo metas e ferramentas para alcançá-las”, avalia Fabiane Sebaio, secretária executiva do CCA.


Os resultados dos avanços e as ações realizadas em 2022 podem ser conferidos no relatório disponível para download no site do Consórcio Cerrado das Águas: https://www.cerradodasaguas.org.br/gestao


Sobre o CCA

Criado em 2015, em Patrocínio - MG, o Consórcio Cerrado das Águas tem como objetivo agregar esforços para a implementação de estratégias que garantam a provisão de serviços ecossistêmicos a fim de alcançar um sistema produtivo resiliente às mudanças climáticas.


A iniciativa possui como membros associados as seguintes empresas: Nescafé, Expocaccer, Nespresso, Lavazza, Cooxupé, CofCo, Volcafé, Stockler, Daterra, Federação dos Cafeicultores do Cerrado e CerVivo. Além disso, a plataforma possui os parceiros-chaves como Prefeitura de Municipal de Serra do Salitre e Prefeitura Municipal de Coromandel.


87 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page